Em conselho técnico realizado na CBF, nesta quinta-feira (27), os clubes da Série A aprovaram o fim da venda de mando de campo no Brasileirão. Os clubes goianos participantes da edição de 2020 têm posicionamentos diferentes sobre a questão. Até 2019, o regulamento permitia que os clubes negociassem no máximo cinco mandos, desde que eles acontecessem entre a 1ª e...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários