As equipes Goblins e Rensga disputam a final do Campeonato Goiano de Esportes Eletrônicos neste sábado (29), a partir das 13 horas, na Orbi Gaming, em série de cinco jogos que promete ser eletrizante. A 1ª etapa do Goianão de e-Sports, disputada no jogo League of Legends (LoL), chega ao fim e terá transmissão no ge.globo/go, que começa às 12h30.

A rivalidade vai acirrar os ânimos na decisão. Os players da Goblins faziam parte de outra organização de mesmo nome e que era de Djary Veiga, CEO da Go Gaming, que é dona da Rensga. A equipe não prosseguiu e os cinco integrantes estão sedentos para pegar a Rensga na final.

“Acho que vai ser tranquilo, não vai ser aquele bicho de sete cabeças. Nossa equipe está se preparando, a gente conta com jogadores experientes, até mais do que os jogadores da Rensga. Acredito que vai ser o desafio mais difícil, mas acho que vai dar para a gente tirar de letra”, disse Caio Gota, de 25 anos, meio da Goblins.

A Rensga, representante goiana no Campeonato Brasileiro de LoL, também está pronta para a decisão. “Acredito que essa rivalidade vem mais do lado deles do que nosso por terem alguns integrantes que não foram aceitos na peneira Rensga há um ano. Eles querem se provar e isso, com certeza, faz a final ser mais empolgante e disputada”, disse Gabriela Harumi, de 22 anos, suporte da Rensga.

Na semana que antecedeu a decisão, os dois finalistas se prepararam. A Goblins afirma que, desde o início da competição, foca em pegar a Rensga e já se prepara. “A gente não chegou a se preparar tanto. O único treino foi ontem (quinta), duas partidas. A gente conhece a equipe da Rensga desde o início do campeonato. Então, a gente se prepara pra pegar a Rensga desde o início”, contou Caio Gota.

Gabriela Harumi conta que a Rensga se voltou mais para potenciais da própria equipe. “Nossos treinos são mais voltados na nossa equipe. Então, tivemos várias partidas em que testamos o que pode ser bom para a gente, independente de quem seja o adversário. Temos composições fortes e estamos bem confiantes que sairemos com a vitória”, disse a player, que está na Rensga desde 2020, quando passou na peneira.