O início ruim do Goiás na Série A é o pior que o clube registrou após sete jogos disputados na competição, desde que o formato dos pontos corridos foram adotados. O aproveitamento de 23,8% é idêntico ao obtido pela equipe esmeraldina na edição de 2003, quando o atual modelo teve início no Brasileirão. Uma das diferenças nas campanhas é a posição do time goiano, há 17 a...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários