O novo presidente executivo do Goiás, Paulo Rogério Pinheiro, terá ao seu lado cinco vice-presidentes na gestão do clube esmeraldino nos próximos três anos. Apesar de concentrar as decisões mais sensíveis, o mandatário garante que seus parceiros de chapa vão ter autonomia para trabalhar e vai cobrar resultados deles.O desejo inicial do presidente aclamado nesta quart...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários