Teresópolis – As lágrimas dos jogadores da seleção brasileira, que se tornaram comuns durante a execução do Hino Nacional nas três partidas da fase de grupos da Copa do Mundo,também se repetiram sábado, no Mineirão, em Belo Horizonte, mas em um cenário diferente. Afinal, vários deles choraram antes da disputa de pênaltis contra o Chile, vencida por 3 a 2.

O volante Fernandinho,…

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários