Na decisão de 2020, os dois clubes esperam que o uso do VAR (árbitro de vídeo) seja repetido, como foi na semifinal em que o Atlético venceu a Aparecidense, por 2 a 1, jogo em que o recurso foi utilizado duas vezes, em expulsão de jogador do Camaleão e marcação de pênalti para a Aparecidense. “O VAR é justo, traz credibilidade ao campeonato. É uma realidade”, apontou o ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários