Em 2019, Goiás não será sede de competições de expressão na natação. De acordo o presidente da Federação Aquática de Goiás (FAGO), Maurício Roriz, não faltam esforços da entidade para reabrir locais públicos. O dirigente, no entanto, não informa um prazo para Goiânia voltar a ser inserida no calendário nobre do esporte. “Já fomos celeiro de grandes atletas, com pr...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários