Em um Australian Open marcado por tantos eventos atípicos, a trajetória de Novak Djokovic também não foi linear, mas terminou da forma esperada: com o nono título do tenista sérvio de 33 anos no torneio de Melbourne, o terceiro de forma consecutiva. O número 1 do mundo derrotou o russo Daniil Medvedev, 25, neste domingo (21) por 3 sets a 0 (7/5, 6/2, 6/2), em 1 h...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários