Levir Culpi não é mais o técnico do Atlético-MG. Ele não resistiu à derrota por goleada por 4 a 1 para o Cerro Porteño, em Assunção, no Paraguai, na quarta-feira (11) - a terceira em quatro partidas pela Copa Libertadores -, e foi demitido pela diretoria após uma reunião no final da manhã desta quinta, na sede social do clube que fica no bairro de Lourdes, em Belo Horizonte. C...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários