Maior atleta da história paralímpica do país, Daniel Dias terá mais uma missão antes de desfrutar oficialmente da sua aposentadoria: ser o porta-bandeira do Brasil na cerimônia de encerramento dos Jogos de Tóquio, marcada para domingo, às 8 horas (de Brasília). Dono de 27 medalhas paralímpicas - sendo três delas conquistadas na capital japonesa - Daniel Dias levará...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários