Os departamentos jurídicos do trio Atlético-GO, Goiás e Vila Nova, recusaram a nova proposta apresentada pelo Sindicato dos Atletas Profissionais do Estado de Goiás (Sinapego), que propôs redução de 20% do salário de jogadores das equipes, durante a paralisação do futebol por causa da pandemia do coronavírus. A posição dos clubes foi apresentada durante reunião por videoconferência, nesta sexta-feira (3), com a advogada ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários