Aliviado por finalmente fazer gol pelo Vila Nova, o zagueiro e capitão Wesley Matos quis explicar, também, o gesto que fez ao festejar o lance ao lado da torcida colorada. De frente para arquibancada, o capitão imitou cumprimento feito por militares - a continência - em sinal de hierarquia e respeito. “Quero esclarecer que (gesto) não é uma preferência por um candida...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários