A bielo-russa Victoria Azarenka chegou a tomar um susto ao perder o primeiro set, mas venceu a francesa Alize Cornet por 2 a 1, de virada, com parciais de 4/6, 6/3 e 6/1, neste sábado, e garantiu vaga nas oitavas de final de Roland Garros.

Terceira cabeça de chave do Grand Slam francês, a ex-líder do ranking mundial assim se credenciou para enfrentar na próxima fase a vencedora do confronto entre a francesa Marion Bartoli e a italiana Francesca Schiavone, também programado para este sábado.

Até hoje, o máximo que Azarenka conseguiu atingir em Roland Garros foi às quartas de final, nas edições de 2009 e 2011, sendo que no ano passado ela foi surpreendida pela eslovaca Dominika Cibulkova nas oitavas em Paris. Desta forma, no mínimo já igualou a campanha de 2012.

Para seguir em frente na capital francesa, porém, Azarenka teve bem mais trabalho do que esperava diante da 31.ª cabeça de chave da competição. Em um primeiro set cheio de quebras de saque, a francesa conseguiu uma a mais (4 contra 3) para assegurar a vantagem inicial de 6/4.

A partir da segunda parcial, porém, a bielo-russa começou a dominar. Embora a tenista da casa tenha conseguido mais uma quebra, Azarenka converteu três de cinco break points para fazer 6/3 e empatar o jogo. E, no derradeiro set, com mais três quebras e novamente tendo sido superava apenas uma vez com o serviço na mão, ela liquidou o confronto em 6/1.

Em outro jogo já encerrado na chave de simples feminina de Roland Garros neste sábado, a norte-americana Sloane Stephens derrotou Marina Erakovic, da Nova Zelândia, por 2 sets a 1, com 6/4, 6/7 (5/7) e 6/3. Essa é a segunda vez seguida que a tenista de apenas 20 anos vai para esta fase do Grand Slam. A sua próxima adversária sairá do confronto entre a russa Maria Sharapova, atual campeã da competição, e a chinesa Jie Zheng, também previsto para ser encerrado neste sábado.