Quando Cristóvão Borges foi oficializado treinador do Atlético, chamou atenção o fato de ter, como auxiliar, o português José Quadros, de 40 anos. Discreto e estudioso, além de muito bem informado sobre o futebol brasileiro, o lusitano diz que chega ao País sem a intenção de tomar lugar de profissionais brasileiros, mas quer criar o próprio espaço, por méritos e traba...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários