O Atlético-GO lamentou a revogação do decreto municipal que liberava os treinos físicos aos clubes de futebol e discordou do funcionamento alternado imposto em decreto pelo governo de Goiás e seguido integralmente pela prefeitura de Goiânia - suspensão de atividades por 14 dias e funcionamento pelo mesmo período, o que vale para todas as atividades comerciais no Est...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários