Às vésperas de iniciar a sua segunda participação no Brasileiro de Aspirantes, o Goiás tem objetivos que vão além da briga pelo título. Em um ano no qual o time voltou a disputar a Série A, o torneio é encarada pelo clube como chance para observar jogadores, da base e do profissional, que estão sem espaço e poderão se tornar reforços para o técnico Claudinei Oliveira no dec...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários