É possível ser, ao mesmo tempo, ídolo e fã de um clube. Harlei é a prova disso. No Goiás, o goleiro faz parte de um recorte de quase 12 anos na história de conquistas e fracassos do clube ? está lá desde 1999 ? e sente pelo alviverde uma gratidão incomum nos tempos de vida cigana no futebol. O período vivido como esmeraldino faz com que ele alcance, quarta-feira, quando e...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários