Ao contrário das últimas previsões da Valec, estatal federal que toca a Ferrovia Norte-Sul, o trecho de 855 quilômetros entre Anápolis e Gurupi (TO) não vai começar a operar no próximo mês. Essa é a avaliação do diretor superintendente do Porto Seco Centro-Oeste, Edson Tavares, ao enumerar uma série de problemas operacionais. Estudo da Confederação Nacional da...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários