Um grupo de 150 trabalhadores da mina de amianto Cana Brava, da Sama Minerações, em Minaçu, no Norte do Estado, fizeram manifestações ontem, em Brasília, em frente ao Supremo Tribunal Federal (STF) e da Procuradoria Geral da República (PGR). Eles cobram decisão mais rápida sobre pedido de efeito suspensivo visando à continuidade da produção até o julgamento dos embargos de...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários