A operadora TIM foi condenada, pela Justiça do Rio Grande do Sul, a pagar R$ 500 mil de indenização por dano moral coletivo por prática comercial abusiva e propaganda enganosa em relação à banda larga 3G oferecida pela empresa.  Segundo o promotor responsável pela ação, o serviço 3G era oferecido induzindo o público a acreditar que a ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários