Para evitar atrasos na votação da reforma da Previdência no Senado, o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), relator da proposta na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), vai retirar duas alterações que havia feito em seu parecer, sobre trabalhadores informais e Estados e municípios. A decisão foi anunciada ontem pelo presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), que s...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários