O jogo virou. Há pouco menos de dois anos, empreendedores não viam outra saída a não ser deixar o Estado para levar a diante uma startup. Em seu próprio conceito, essas empresas trabalham em condições de extrema incerteza, não tem como afirmar que irão realmente dar certo até se provarem sustentáveis. Só que quando amadureciam e precisavam fazer conexões, tinham de migra...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários