Um pedido de penhora de mais de R$ 1,2 milhão foi protocolado na Justiça do Trabalho contra o Bahrem Bar e Restaurante de Goiânia, unidade Marista. A ação é do Sindicato Intermunicipal dos Empregados no Comércio Hoteleiro de Goiás (Sechseg) e visa ao pagamento de verbas trabalhistas. Segundo o sindicato, mesmo com decisão favorável aos trabalhadores, o estabelecimento não pa...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários