Para o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) em Goiás, o presidente do conselho deliberativo, Ubiratan Silva Lopes, explica que o desenvolvimento de pequenos negócios também já fica comprometido. “Fizemos um redirecionamento para fazer mais com menos, mantemos os mesmos serviços de três e quatro anos, e em 2018 atendemos quase 112 mil empresa...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários