A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou, por 17 votos a 9, a nova versão do relatório da reforma da Previdência. O parecer do relator, Tasso Jereissati (PSDB-CE), rejeita todas as sugestões de alterações apresentadas na comissão. Na sequência, os senadores do colegiado irão votar seis destaques em separado, ou seja, novas tentativas de mudanças...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários