Rio - A Justiça aceitou, na quarta-feira, o pedido de recuperação judicial da MMX, mineradora controlada pelo empresário Eike Batista. A empresa mergulhou em dificuldades financeiras agravadas pela queda mundial no preço do minério de ferro. Nos últimos seis meses, a cotação saiu de patamar próximo a US$ 120 e hoje está perto de US$ 82 a tonelada. Desde setembro a...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários