Pais têm encontrado em grupos de WhatsApp alternativas para economizar na compra de materiais escolares para os filhos. Na última semana, o Procon Goiás divulgou levantamento que mostra que a variação de preço de um mesmo item comum a esse tipo de lista pode chegar a 299% entre um estabelecimento e outro. Pesquisa prévia e a possibilidade de compras em grupos são algu...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários