O Senado aprovou ontem, em segundo turno, proposta de emenda à Constituição (PEC) que cria o chamado “orçamento de Guerra”, destinado exclusivamente a ações de combate à pandemia do novo coronavírus. Foram 63 votos favoráveis, 15 contrários e uma abstenção. A sessão foi remota, por videoconferência.O objetivo da PEC é separar do Orçamento-Geral da União gastos emergenciais para ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários