A disparada na cotação do Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M), indicador usado na correção dos aluguéis, e as dificuldades econômicas geradas pela pandemia do novo coronavírus provocaram uma verdadeira onda de negociações nos vencimentos dos contratos de locação. O índice acumulado fechou 2020 em mais de 23% no ano, mas os locadores estão mais maleáveis e, quando o alu...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários