Nos Estados Unidos, o serviço de babá costumava ser mais ou menos assim: uma adolescente chegava na casa do cliente depois da escola, brincava com as crianças, colocava-as na cama e passava o resto da noite mandando mensagens de texto no sofá. Tudo para que os pais pudessem relaxar comendo e bebendo num restaurante lotado após uma longa semana de trabalho. Agora, porém, a...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários