O procurador-geral de Justiça, Aylton Flávio Vechi, opôs, nesta sexta-feira (12), embargos de declaração - uma espécie de recurso - contra decisão do Órgão Especial do Tribunal de Justiça (TJ-GO) que suspendeu a lei estadual nº 19.888/2017, que obrigava os postos de combustíveis do Estado a comunicar em tempo real ao Ministério Público de Goiás (MP-GO) as alterações n...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários