Morreu ontem, aos 75 anos, o economista e professor João Sayad, em decorrência de complicações onco-hematológicas. Ele estava internado desde o dia 30 de agosto no Sírio Libanês para tratamento hematológico e oncológic. Segundo pessoas próximas, um câncer que o acometeu há pouco mais de dez anos debilitou o economista, que estava vivendo no interior de São Paulo.Say...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários