A produção industrial de Goiás desacelerou com o início do primeiro decreto de isolamento social do governo do Estado. Depois de crescer 1,3% em janeiro e 0,3% em fevereiro, em março as indústrias goianas produziram 2,8% menos que no mês anterior. Mesmo assim, o desempenho industrial do Estado ainda ficou bem acima da média nacional, que registrou queda de 9,1% em relação a...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários