As indústrias goianas amargaram o pior desempenho do País em 2018, com queda de 4,5% sobre a produção do ano anterior. Além deste ser o pior resultado entre todas as capitais pesquisadas pelo IBGE na Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física (PIM-PF), também foi a maior queda registrada desde o início da série histórica do levantamento. Em todo País, houve um crescimento m...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários