Mais pessoas passaram a viver em situação de pobreza extrema em Goiás no ano passado, ou seja, viviam com até US$ 1,9 (R$ 7,35) por dia apenas. Eram 264,3 mil pessoas (3,9% do total) nesta condição no Estado em 2017, contra 234,2 mil (3,5%) em 2016. Esta situação ainda é resultado dos efeitos da crise econômica, que elevou as taxas de desocupação e reduziu a renda da p...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários