Lauro Martins é proprietário de uma revendedora de gás de cozinha localizada no Jardim América e conta que o produto chega em poucas quantidades há mais de uma semana. “Na sexta-feira passada chegaram 100 botijões e em três horas acabou tudo. Não tem previsão para entregarem”, afirma o empresário. Lauro afirma que os funcionários estão parados há pelo menos 12 dias. No...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários