Para o Brasil entrar na Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), conhecido como clube dos países ricos, o mais importante é "ter uma atitude reformista", diz o economista Álvaro Santos Pereira, ex-ministro da Economia e do Emprego de Portugal que atualmente dirige a área de estudo de países da organização. A entrada na organização é uma ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários