Adelyula Dias Barbosa, de 31 anos, que está desempregada desde o ano passado, teve o pedido de auxílio emergencial negado. Assustou, no entanto, o motivo da recusa. Segundo a Carteira de Trabalho Digital, ela teria dois empregos em aberto, em um deles ela ocupa o cargo de “presidente da República” pela Secretaria de Estado de Educação (Sedu) do Espírito Santo. Além disso,...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários