O presidente da Força Sindical, Paulo Pereira da Silva, o Paulinho, considerou que a decisão do Comitê de Política Monetária (Copom) em reduzir a taxa básica de juros (Selic) de 12,5% para 12% foi acertada, mas “na dose errada”. “A decisão do Copom é extremamente tímida e insuficiente. O Banco Central acertou no remédio, mas errou na dose. Com a medida, o gove...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários