O dólar teve dia de queda no exterior, mas aqui o movimento foi limitado por ruídos políticos. O dólar à vista teve dia volátil e acabou fechando em leve baixa, interrompendo uma sequência de quatro altas seguidas. Já o dólar futuro para maio, em dia de baixa liquidez, operava a maior parte do dia em alta, mostrando que a cautela prossegue nas mesas de câmbio. Na sema...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários