Nesta sexta-feira (21), o presidente Jair Bolsonaro confirmou que o auxílio emergencial será prorrogado até dezembro, mas não quis adiantar o valor definido para as parcelas futuras do benefício, o que, segundo ele, segue em análise. “Infelizmente não pode ser definitivo”, disse aos populares durante um evento em Mossoró, no Rio Grande do Norte. Mesmo assim, relato...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários