As feiras do Cepal do Setor Sul, a de Campinas e a do Setor Pedro Ludovico estão entre as primeiras criadas na capital, segundo o presidente do Sindifeirante. Ele lembra que continuou trabalhando na banca que era de sua mãe e seu irmão também trabalha na feira. Hoje, Wellington é feirante junto com a mulher. “Já tive uma experiência de trabalho com carteira assinada, mas a...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários