A pandemia reverteu uma tendência no mercado imobiliário. Antes do coronavírus, as pessoas passavam pouco tempo em casa e, por isso, buscavam imóveis cada vez mais compactos e práticos. Após as medidas de isolamento social, as famílias passaram a ficar longos períodos em casa e a sentir necessidade de moradias mais amplas e com mais itens de conforto, como varandas e home...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários