Embora tenha passado com certa facilidade no Senado, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que adia as eleições de 4 de outubro para 15 de novembro, devido à pandemia do novo coronavírus, segue sem consenso na Câmara dos Deputados, onde precisa de 308 votos para ser aprovada. Entre dez deputados goianos ouvidos pelo POPULAR, por exemplo, quatro são favoráveis ao a...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários