A Metrobus e o Eixo Anhanguera, linha do transporte coletivo que a empresa detém a concessão até 2031, serão repassados para a Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos (CMTC). É o órgão metropolitano, que é o poder concedente do serviço de transporte coletivo, quem será responsável pelo processo licitatório da venda da empresa e da linha do Eixão. A estimativa é ...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários