O vaqueiro Antônio Ribeiro de Barros, que matou dois bebês gêmeos e tentou matar uma ex-namorada (mãe das crianças) em 2016, na cidade de São Miguel do Araguaia, foi condenado a 48 anos de reclusão, em regime inicial fechado, nesta quinta-feira (7). O julgamento aconteceu no Tribunal do Júri da comarca do município e foi presidida pelo juiz Ronny Andre Wachtel. O crime ...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários