Passageiros do sistema de transporte coletivo da Região Metropolitana de Goiânia que já tomaram a segunda dose da vacina contra a Covid-19 há pelo menos 15 dias terão acesso ao serviço a qualquer hora do dia, mesmo durante os horários de embarque prioritário aos trabalhadores das atividades consideradas essenciais. Por outro lado, as pessoas que tiveram um exame da doe...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários