A demora para conseguir embarcar nos ônibus tem feito sofrer quem precisa usar o transporte coletivo em Goiânia e na Região Metropolitana (RMG), na semana entre o Natal e o Ano-Novo. Reclamações têm sido constantes e dois protestos espontâneos já foram registrados. A frota foi reduzida de 1.039 para 790 veículos em circulação diariamente por conta da diminuição da demanda. Lin...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários