Com a chegada de novembro, a Universidade Federal de Goiás (UFG) encontrou motivos para celebrar um ano de adversidades e desafios. A divulgação da lista de classificação mundial de pesquisadores de impacto, baseada na base de dados Scopus, revelou que um grupo de docentes da instituição ocupa lugar de destaque na produção científica. A partir de quase 7 milhões de au...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários