Américo Castro, tio de Luiz Henrique de Castro, um dos autores do massacre cometido em uma escola de Suzano nesta quarta-feira (13), afirmou nesta quinta-feira (14) que gostaria de pedir perdão às famílias das vítimas. A declaração foi dada após o enterro do sobrinho dele, de 25 anos. "Quero pedir perdão público para os pais daquelas crianças”, disse Améric...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários